22/07/2014

MapsCrime

O MapsCrime é um serviço pioneiro de partilha de informação criminal, que possibilita ao cidadão aceder e registar as ocorrências criminais de furto e roubo, e ainda, possíveis locais para reaver os objetos subtraídos.

Este serviço insere-se no âmbito da tese de mestrado da criminóloga Laura Jota, tendo como objetivo principal ajudar os utilizadores a prevenirem-se de qualquer tipo de assalto, o que trará a longo prazo, uma diminuição e controle da pequena criminalidade.

O MapsCrime partilha com a sociedade dados fundamentais para a autoproteção criminal de cada cidadão, devido às suas informações, o cidadão movimentar-se-á mais informado e de uma forma mais segura.

Para além disso, o MapsCrime também ajudará na divulgação dos objetos subtraídos (ex.: carros, carteiras, etc.), o que aumentará a probabilidade do seu proprietário o reencontrar.
MapsCrime

10/07/2014

THC, Porto, 12 de Julho

Dizem as mailing lists que neste Sábado há hackcafé no Porto, no café Ceuta (r. de Ceuta, Porto), das *14:30 às 17:00*.

07/07/2014

iGeo

Descobri hoje ao ler a revista SmartCities#01 que Portugal tem um portal de Informação Geográfica com dados abertos. Chama-se iGeo e foi lançado em Maio pelo Ministério do Ambiente, Ordenamento do Territótio e Energia. Podendo é usar.

22/06/2014

Informação dos Transportes Públicos em Tempo Real em Portugal

Andava a submeter mais alguma informação na página da Open Knowledge Foundation para os censos de dados abertos das cidades Portuguesas quando cheguei à conclusão que não temos nenhuma cidade em Portugal que apresente informação sobre a sua rede de transportes públicos em tempo real.

E de facto desde pequeno que sempre tive de andar com horários no bolso, chegar ao local, confirmar nos boletins esbatidos pelo sol que é capaz de estar a vir qualquer coisa em breve e esperar um bocado. Nos anos mais recentes algumas estações de comboios, metros e barcos começam também a ter um contador de quantos minutos estimados para o próximo transporte. Mas de facto não há nenhum site ou aplicação online onde eu possa consultar essa informação e planear melhor o meu tempo.

Habituamo-nos um bocado a que isto é o que é em Portugal. Mas a realidade lá fora, por exemplo na Finlândia, é que todos os locais de transportes tem um contador a dizer quanto tempo demora o próximo transporte a chegar. Há também um website oficial do governo onde podemos pesquisar a nossa rota planeada, que nos retorna várias possibilidades de tramite optimizado, com tempos estimados de viagem e espera em cada local. E inclusivé uma API disponivél, que permite a programas desenvolvidos por outras pessoas poderem usar a informação dos transportes públicos da cidade para desenvolverem outras aplicações ou serviços.

Alguém sabe de alguma cidade em Portugal que faça ou esteja a planear fazer disto num futuro não muito longinquo? Gostava de os entrevistar para conseguir entender melhor quais os entraves actuais? A tecnologia existe e temos pessoas capazes de a implementar em Portugal.

A coisa mais perto que temos disto em Portugal aparenta ser o estradas.pt, que reporta em tempo real se há alguma eventualidade nas diversas auto-estradas do país que possam condicionar o trânsito. Inclusivé tem acesso público a algumas das câmaras de vigilância instaladas nas estradas so país; uma página que permite ao utilizador submeter nova informação; e um feed da informação para o twitter e facebook. Parece-me excelente, fico contente que exista.

Infelizmente só contém informação sobre incidentes nas estradas, não informação sobre os transportes públicos em si.

Outras melhorias que sugeria ao estradas.pt assim de repente seriam:
  • O feed de notícias poder ser acessivel por uma API, para poderem ser construidos serviços de terceiros sobre a informação actualizada do site sem ter de fazer pole e scrapping recorrente à informação.
  • Transformar o formulário de submissão de ocorrências numa aplicação móvel com alguma componente de gamificação de forma a premiar os utilizadores pela sua utilização recurrente.
  • Poder filtrar a informação por raio de ocorrência para recebermos somente informação que nos é mais relevante na altura.

EDIT: Pelos vistos já há alguma coisa em funcionamento: carris.pt e ost.pt, obrigado a quem enviou as dicas. Irei analizar se disponibilizam os dados abertos e sob que licenças.

11/06/2014

Internet Freedom Meetup, Lisboa, 29 Junho

E por falar em encontros, um mais tangente à questão dos dados abertos, a malta do grupo pela liberdade da internet de Lisboa está a organizar mais um meetup dia 29 de Junho, com foco nas Unhosted web apps (aplicações mobile que não necessitam de servidores na web a pedir dados privados para funcionar). Mais informações na página do meetup: http://www.meetup.com/Internet-Freedom-Lisbon/events/186491272/

THD, Porto, 21 Junho

Dizem que vai haver mais um Transparência Hackday no Porto no dia 21 de Junho, mais informações em breve no website do costume: http://www.transparenciahackday.org/